Mas por que um guarda-roupa compartilhado?

Vamos supor que você caiu aqui nessa página de paraquedas, que está aí se perguntando “guarda-roupa compartilhado”? tem nesse planeta? Ou até que você tenha interesse nesse rolê de economia circular mas ainda tem aquela pulguinha atrás da orelha que diz: “tem tanta loja nesse mundão e eu vou dividir minhas roupas?” A nossa resposta é justamente essa: Porque já tem muita loja nesse mundão! Que tal compartilhar das roupas que já existem? Ficou confuso? Segura na nossa mão, que a gente te explica! Preparamos um top-5 com as razões pela qual optar por um guarda-roupa compartilhado faz bem para o meio ambiente, para seu bolso e para o seu bem-estar!

  • DE OLHO NO MEIO AMBIENTE: Prolongar a vida útil das peças através do compartilhamento, ajuda a romper com um ritmo acelerado de produção. Qual a consequência em maior escala? Economizamos água, poupamos recursos naturais, reduzimos as emissões de gases-estufa… afinal sustentável mesmo é usar aquilo que já está no mundo 😉
  • TODO MUNDO GOSTA DE NOVIDADE: Já imaginou se a cada vez que batesse esse desejo, você tivesse que correr para o shopping e comprar uma roupa nova? inviável investir em peças todos os dias né?, com uma curadoria já preparadinha, recheada de marcas sustentáveis fica tudo prontinho a sua disposição por um valor fixo mensal!
  • ESTILO PARA ALÉM DE TENDÊNCIAS: Quando você não tem o compromisso de ter que amar uma peça antes de comprar, você pode se permitir mais, testar mais, porque se não funcionar é só trocar por outra. Nesse meio período, a gente acaba entendendo o que faz mais e menos sentido dentro das nossas demandas de estilo e da nossa rotina e aí é partir para o abraço!
  • CONHECER MARCAS QUE ESTÃO PENSANDO EM MODA DE UMA FORMA DIFERENTE e de quebra experimentar peças super especiais, com histórias que começam desde o momento que são idealizadas e não terminam nunca, estão sempre se renovando a cada compartilhamento.
  • FAZER PARTE DE UMA COMUNIDADE que troca muito mais que roupa, troca experiência, informação e cuidado.

Deixe um comentário