Adriana Barra, 17 anos de história no acervo Roupateca

Com estampas originais e combinações de cores marcantes, as peças de Adriana Barra não passam despercebidas. A estilista que desde 2002 oferecia roupas tropicais a partir de um trabalho único de estamparia digital, optou por se reinventar mais uma vez e encerrar suas atividades enquanto marca no ano de 2019. Por acreditar na importância de fortalecer novos caminhos no consumo de roupas, no mesmo ano optou por trazer uma curadoria de peças exclusivas para o acervo Roupateca, muitas delas vindas do acervo pessoal da própria Adriana. Uma maneira que encontrou de ver ainda suas criações desfilando por aí!

 

Deixe um comentário